Atendimento pelo WhatsApp
Olá! Clique em uma das opções abaixo e nós retornaremos o mais rápido possível.
Calibração de termopar: o que é e frequência ideal

Calibração de termopar: o que é e frequência ideal Como fazer Calibragem Termopar



Calibração de termopar: o que é e frequência ideal Como fazer Calibragem Termopar



Calibração de termopar: o que é e frequência ideal Como fazer Calibragem Termopar



Calibração de termopar: o que é e frequência ideal Como fazer Calibragem Termopar



Calibração de termopar: o que é e frequência ideal - Itupeva


Calibração de termopar: o que é e frequência ideal Calibração de Instrumentos Sorocaba Calibração Manômetro
Calibração de termopar: o que é e frequência ideal
  Entre em contato via WhatsApp   Entre em contato via WhatsApp Itupeva

 

Empresas que utilizam termopar para medir temperaturas de processos e ambientes dependem da transmissão de credibilidade para o mercado. Quando essa credibilidade não é transmitida, ocorrem impactos bem negativos sob o ponto de vista comercial e mercadológico. Por isso, a calibração de termopar é fundamental.

 

Mas não adianta promover calibrações caseiras. É preciso realizar o processo em laboratórios especializados que emitem um certificado reconhecido de calibração. Esse certificado é muito importante para que os clientes tenham segurança a respeito do serviço prestado e, também, para evitar problemas em caso de auditorias externas.

 

Neste artigo, falaremos sobre a calibração de termopar, mostrando como é realizado, frequência ideal e muito mais.

 

Boa leitura!

 

O que é calibração de termopar?

 

A calibração de termopar é um processo que promove a eficiência e exatidão nas mensurações realizadas através desses instrumentos. Para fazer a calibração, na prática, é preciso contar com um termopar de referência que, calibrado, irá medir alguma substância pré-determinada.

 

O comparativo entre os resultados obtidos pelo termopar referencial e aquele a ser calibrado determinará se há algum tipo de desvio a ser corrigido. Para todo esse processo, são geralmente utilizados materiais como: voltímetro, ebulidor, recipiente para água, nitrogênio líquido, vasilha refratária, fósforo, isqueiro e, naturalmente, o termopar a ser calibrado e outro referencial.

 

Tipos de termopar

 

É possível encontrar, em resumo, duas classificações de termopares: básicos e nobres. Os primeiros têm uma constituição mais barata, com fios mais finos e uma taxa de erro menor. Apesar disso, são utilizados no contexto industrial. Confira, a seguir, os principais tipos de termopares básicos:

 

  • termopar tipo T;

  • termopar tipo J;

  • termopar tipo E;

  • termopar tipo K;

  • termopar tipo N.

 

Já os termopares nobres são constituídos de platina, o que eleva seu custo, enquanto também aumenta a eficiência. De forma geral, estes são os principais tipos de termopares nobres:

 

  • termopar tipo S;

  • termopar tipo R;

  • termopar tipo B.

 

Por que fazer a calibração de termopar?

 

O termopar conta com vantagens intrínsecas muito relevantes para as empresas. Um exemplo dessas vantagens é a excelente precisão nas medições, garantindo eficiência nos trabalhos desenvolvidos. Além disso, quando comparado com outros equipamentos semelhantes, o termopar é um sensor de temperatura bem mais econômico.

 

Com isso, a qualidade das medições é um destaque, sobretudo pelos cabos de isolação mineral presentes na constituição do termopar. Calibrar esse equipamento é necessário para manter a eficiência originalmente presente no termopar.

 

Deixar de calibrar o equipamento, portanto, é um risco para as empresas. O termopar sem uma calibração constante acaba por representar um prejuízo para as organizações.

 

Qual o método para calibração de termopar?

 

Para calibrar um termopar, é fundamental encontrar um laboratório especializado e de qualidade. Algumas empresas tentam realizar a calibração por conta própria, mas isso pode trazer problemas, já que os equipamentos utilizados como referência podem estar também descalibrados. Além do mais, calibrar por conta própria não confere um certificado.

 

No entanto, apresentaremos como o termopar é calibrado pelos laboratórios. Confira:

 

  • um recipiente com água é mantido à temperatura ambiente e medido pelo termopar de referência;

  • no recipiente refratário, é aquecido um pouco de água utilizando um ebulidor e o isqueiro. Depois, é medido com o termopar de referência até que a temperatura fique entre 90 e 100 °C;

  • em seguida, é realizada a mistura de água quente com a água fria, sempre medindo com os dois termopares.

 

Por que ter um certificado de calibração de termopar?

 

O certificado de calibragem de termopar existe para comprovar que a calibração foi realizada seguindo as melhores normas, mas também a qualidade desta última. No caso de auditorias externas, o certificado acelera o processo de confirmação da qualidade de mensuração do produto.

 

São os laboratórios certificados que têm a função de emitir o documento de certificação que comprova a eficiência da calibração. O diferencial do serviço nesses laboratórios é a documentação dos métodos e aprovação de órgãos responsáveis, como o Inmetro.

 

Existem laboratórios não certificados que oferecem o serviço de calibração. Nesses casos, a calibração pode até ser bem feita, mas a incapacidade de emitir uma certificação formal não gera a segurança que o cliente precisa.

 

Qual a frequência para a realização de calibração de termopar?

 

Não existe nenhuma lei, norma ou regra que defina a frequência para que o termopar seja calibrado. Cabe à empresa, no entanto, encontrar os melhores caminhos e padrões a serem seguidos.

 

Vale lembrar, no entanto, que os certificados de calibração costumam ter validade limitada a um ano. Com isso, a frequência mínima para a calibração do termopar é de um ano. Mas existem fatores que podem diminuir essa frequência.

 

Um desses fatores é, sem dúvidas, a frequência de utilização. Quando uma frequência muito grande na utilização, é fundamental que a calibração seja feita em um menor tempo, para garantir a assertividade.

 

Calibracom: calibração de termopar com qualidade

 

A Calibracom é uma empresa que realiza a calibração de equipamentos de mensuração, incluindo termopares. Atuando desde 2000, hoje já conta com o respeito dos clientes, sendo reconhecida pela qualidade dos serviços oferecidos.

 

Após atender diversos contextos e empresas, a expertise presente na Calibracom oferece a garantia de um serviço de qualidade. Como grande diferencial, é possível destacar o monitoramento constante de todo o processo de calibração, sempre em atenção às normas ISO IEC 17025.

 

Pensou em metrologia, com certeza pensou na Calibracom.

 

Conclusão

 

Neste artigo, vimos que a calibração do termopar é um processo que promove a eficiência e exatidão nas mensurações realizadas através desses instrumentos. Também conferimos, em detalhes, os tipos de termopares existentes. Em resumo, são os seguintes:

 

  • termopar tipo T;

  • termopar tipo J;

  • termopar tipo E;

  • termopar tipo K;

  • termopar tipo N;

  • termopar tipo S;

  • termopar tipo R;

  • termopar tipo B.

 

A principal razão para fazer a calibração do termopar é para garantir que a eficiência continue constante. O método principal a ser utilizado é a comparação entre um termopar de referência e aquele a ser calibrado. A frequência ideal para calibragem não é fixa, mas deve ocorrer ao menos uma vez por ano.

 

Contar com um laboratório é fundamental para que o processo seja realizado com confiabilidade. A Calibracom é um laboratório especializado que pode ajudar sua empresa com isso.


Quer conhecer mais sobre a Calibracom? Acesse o site oficial e saiba mais.

 

Calibração de termopar: o que é e frequência ideal Como fazer Calibragem Termopar

 




Mais Informações